Reflexões Sobre a Vocação Pastoral

Afinal, o que é que caracteriza um pastor? Qual o fator que distingue o pastor dos demais homens e mulheres chamados para o serviço do Senhor?
Há pastores que pregam maravilhosamente bem e são considerados poderosos na ministração da Palavra.
Há outros que constroem grandes denominações e são líderes e administradores reconhecidos.

Há os que ensinam a Bíblia e podem fazer explanações nas línguas originais, são os intelectuais.
Há os que se estabelecem através de dons de cura e expulsão de demônios, são os homens de unção de milagres.

Há os que gravam cd´s, e são quase como estrelas pop; os que escrevem livros; os que seguem carreira política...

Mas, o que faz de um homem um pastor? Tudo isto junto? Uma dessas qualidades?
Para mim, aquele que prega é um profeta ou pregador; o que ensina, é mestre; o que administra é administrador; o que cura ou expulsa demônios está usando dons espirituais que não caracterizam o pastorado por que um pastor pode ser um grande pregador, um habilidoso administrador, um homem que exerça dons sobrenaturais, ou usa seus talentos musicais e intelectuais, mas pastor, pastor mesmo, é aquele que cuida de ovelhas.

Pode parecer estranho, mas nos dias atuais há muitos que possuem o título de pastor, mas parecem ter alergia de ovelhas. Conseguem apenas ver o rebanho - e quanto maior , mais poder, projeção e riqueza - mas não enxergam, ou se preocupam, com os indivíduos que o compõem. Não gostam do cheiro das ovelhas, mas gostam de apreciar os números  que arregimentam.

Segundo a Wikipédia, ser pastor é atividade árdua, pois ovelhas são muito sensíveis. Além do frio, os criadores devem atentar para raposas e outros predadores, que cercam as fêmeas e roubam-lhes os filhotes. A ovelha não possui nenhum mecanismo natural de defesa, está vulnerável a qualquer ataque.

Cuidar de ovelhas significa olhar em especial para aquela uma que tem problemas, mesmo tendo outras noventa e nove que estão bem no aprisco. Portanto é atividade de dedicação, acompanhamento, cuidado, confiança e intimidade.

Existem muitos homens e mulheres que não são pastores, apesar de ostentarem o título. Mas, por outro lado, há também um exército de homens e mulheres que são verdadeiros pastores a cuidar de ovelhas, e que não possui título nem reconhecimento humano, mas foram preparados, separados e levantados por Deus; talvez este seja o seu caso.

Temos muitos e bons pregadores, administradores, mestres, cantores... Precisamos de verdadeiros pastores.

Se você tem um verdadeiro pastor cuidando de sua vida, ore por ele.


Pr. Denilson Torres
blognaodesista.blogspot.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E você o que acha? Deixe a sua opinião!